Resenha “Tenta-me – La Chica de Servicio”, de Patricia Geller.

Enredo

Giselle Stone está de mudança para Málaga na Espanha a fim de dar um “up” nos seus estudos. É uma mulher decidida com o que pensa e não leva desaforos para casa. Tem atitude, responde tudo na lata e quando vemos uma personagem feminina com tanta garra assim, já é possível se identificar.

Sua melhor amiga Noa consegue arranjar um emprego temporário para ela de criada na casa dos Campbell, uma família rica e com muitas posses. Mesmo relutante, Giselle aceita, pois afinal de contas seriam apenas três meses e ela realmente precisava desse dinheiro.

Assim que põe os pés na mansão, Gi tem de seguir regras bastante severas e um tanto incomuns, como por exemplo ter de usar um uniforme de empregada CURTÍSSIMO que só de se abaixar já dá para ver até aquele lugar onde o sol não bate. Porém, isso não é nada comparado ao que Gi terá de aturar com os exigentes filhos dos Campbell.

Roxanne e Matt são os herdeiros. Roxanne é modelo e Matt ninguém sabe ao certo o que faz. Só se sabe que quando ele está em casa, gosta de passar horas em seu quarto mergulhado na penumbra. Mas Giselle nunca poderia imaginar que ser mandada para servir o café da manhã para Matt mudaria sua vida completamente.

Narrativa

O livro é contado totalmente na visão de Giselle, então assim podemos entender tudo o que se passa na sua cabeça, seus conflitos internos e podemos ver que ela não é essa “bambambam” toda que se diz ser.

Minha Opinião

Primeiramente eu gostaria de deixar bem claro aqui que literatura hot não é o meu forte, mas dependendo da história, se for algo bem contado, com backgrounds interessantes dos personagens, eu curto. Peguei o “Tenta-me” para ler sem torcer o nariz e com a mente bem aberta, pois eu gosto de dar chances ao desconhecido. Mas, infelizmente esta história não me conquistou em nenhum momento.

Só para destacar aqui eu fiquei bastante chateada com a mudança repentina de personalidade da protagonista. Ela, que sempre foi a destemida, a sem papas na língua, logo no primeiro momento em que viu Matt, parece que tudo isso se quebrou. Entendo que as pessoas mudam, mas isso acontece com o tempo! No livro, só no primeiro momento em que ela vê Matt ela já sente vontade de ser, como podemos dizer?, a escravinha sexual do cara. Cadê a Giselle badass?

Falando de Matt, tudo bem que o cara não teve um relacionamento anterior bom, seu background é triste, mas isso não justifica ele ser babaca com Giselle e praticamente no primeiro momento MANDAR ela ter relações sexuais com ele, somente porque ela é criada da casa. O cara é bipolar o tempo todo e nada pode sair fora do seu planejado, porque ele surta. Acho que a pior coisa é que seus pais, os bondosos William e Karen tratam isso com naturalidade. Desculpa Matt, mas apesar de você ser LINDO, eu não conseguiria aturar um homem tão instável como você. Haja amor, hein Giselle?

Apesar da história não ter tanta força, ainda faltam mais cinco. Eu sinceramente espero que essa história dê uma guinada daqui para frente. Mesmo assim, a autora soube descrever bem as cenas de sexo, desde os momentos físicos até o que se passava no emocional dos personagens durante o ato. Para quem gosta de ler todos os detalhes do ato sexual e diversas formas de se fazê-lo, a leitura é bacana, pois a autora consegue fazer você imaginar direitinho o que está acontecendo e os finalmentes acontecem logo nas primeiras páginas, sem muitas delongas. Mas, se você procura personagens mais embasados, com uma história mais objetiva e sem foco totalmente sexual, talvez “Tenta-me” não seja para você.

Sinopse Oficial:

Quando a jovem Gisele Stone começou a trabalhar na casa dos Campbell como criada, nem imaginava que sua vida jamais seria a mesma. Mas Matt, o filho mais novo do casal, é um homem frio, atormentado, de forte personalidade e caráter instável. Assim que vê a garota, passa a desejá-la e quer submetê-la à sua vontade. Mas Gisele, que não é uma mulher submissa, logo recuperará o controle da situação. Refugiados na clandestinidade, darão início a uma paixão insaciável. Contudo, quando sentimentos como ciúme, medo e a desconfiança começam a tomar posse do casal, ambos vêem seu amor posto à prova.

Será este amor suficiente para que os dois titãs se rendam e consigam superar seus medos?

CARACTERÍSTICAS
Capa comum: 449 páginas
Editora: Bezz;
Edição:
Idioma: Português
ISBN-13: 978-8568695234
Dimensões do produto: 23,2 x 15,2 x 2,4 cm
Peso do produto: 699 g

Dayse Ribeiro

Oi,galera! Meu nome é Dayse, tenho 21 anos e estudo Jornalismo. Sou completamente apaixonada por cinema, séries (Game of Thrones e American Horror Story são meus xodós s2 rsrs) e claro, o Universo Nerd!

Você Pode Gostar

  • Muito forçado isso de a mulher ter que ser empregadinha com roupa sexy, sei lá…

  • Tainá de Oliveira

    Eu também tenho muita dificuldade com livros eróticos, mas essa aí… quero distância!!

  • Laura Helena Amorim

    Não sei se essa foi a intenção da autora, mas essa história de garota que vira empregada e é obrigada a fazer sexo com o patrão parece roteiro de filme pornô :v

  • Thamirys

    Então, eu leio livros hot de boa, não é o preferido mas gosto bastante.
    Porém não assim, não gosto de livro forçado e muito menos que trata a mulher como objeto…

  • Bia

    Eu também tenho dificuldade com livro hot, mas esse eu tenho certeza que não vou dar uma chance!

  • Igor Cuiabano

    Esse livro tá mais pra um sonho de japonês tarado rs

Pin It on Pinterest

%d blogueiros gostam disto: