Resenha “A Seleção”, de Kiera Cass

Em meio a tantas garotas desesperadas para entrar na seleção, América é selecionada e tem de deixar quem acha ser o amor de sua vida e sua família para viver em mundo completamente diferente do seu. Será que ela consegue?

Enredo

Em Illéa, a sociedade é divida em um sistema de oito castas. Onde, seguindo a ordem, as primeiras são as mais beneficiadas e as últimas, as menos favorecidas. A família real se encontra na casta de número um, e América, nossa protagonista, encontra-se na casta de número cinco.

América, ou Meri, é determinada, forte e muito corajosa. É apaixonada por Aspen. Os dois se conhecem desde criança e a divisão de castas não os impediu de se apaixonarem, mesmo ele sendo de uma casta menor que a dela.

O príncipe Maxon está próximo de assumir suas responsabilidades como futuro rei de Íllea e, como de costume do país, há uma grande seleção onde 35 possíveis esposas são escolhidas para passarem um tempo no Palácio. Elas aprendem a como se portar, embora grande parte delas já esteja acostumada com luxo. Por fim, uma é escolhida e torna-se a futura rainha de Íllea.

Uma das 35 escolhidas é América, e é ai que a verdadeira história começa.

“Eu não sou sua querida!”

Narrativa

O livro é narrado por América. É tão bom ver o ponto de vista de uma personagem tão forte, que acredita tanto no amor de sua família e que pode ajudá-los. Kiera acertou em cheio quando colocou Meri para narrar, é muito fácil se sentir “América Singer” quando lemos o livro, sem deixar de sentir cada outro personagem.

Destaque

É difícil enumerar, pois são muitos! Mas, com toda certeza, o primeiro é a determinação da América desde a primeira palavra do livro até a última.

Eu preciso dizer que o Maxon é um personagem destaque, pelo fato dele ter crescido em meio a muita política e pouco amor. Apesar de Amber, sua mãe, ser a pessoa mais bondosa que vamos ver no livro, o Rei é totalmente o inverso. Maxon é simples, um doce e sempre procura agradar as pessoas. Mas o que mais me encantou nele foi o fato dele procurar realmente um amor, em meio a tanta coisa que lhe foi imposta. Ele sempre acreditou que iria tirar da seleção o verdadeiro amor dele.

Minha Opinião

Não ia me sentir tranqüila enquanto não fizesse uma resenha desse livro que me encantou de tantas formas. A escrita de fácil compreensão, os personagens são adoráveis, e o livro te prende mesmo!

Eu amo a América porque amo personagens tão donas de si (acho que é porque eu sou assim haha), que sabem o que querem e que são intensas. América é MUITO intensa, não mais que o Maxon, mas é. Ela se entrega a sua luta, se entrega porque acha que pode ajudar os pais e porque Íllea pode ser diferente.

Maxon é alguém com muito potencial, ele é inteligente, é amoroso, é intenso e é tão bom quanto a mãe. Tudo o que ele sempre quis, foi encontrar uma esposa que o amasse verdadeiramente. Eu senti que ele é carente de amor, não que ele fique pedindo para ser amado, mas carente de não ter recebido o necessário. Infelizmente o Rei é alguém frio (totalmente insuportável) e egoísta. A Rainha fez o que pode para que Maxon fosse criado em meio a amor, mas ele cresceu com a necessidade de encontrar um amor para ele.

Eu gosto do Aspen, gosto mesmo, ele é um doce, gosta muito da Meri, mas não senti que ele a amava, sem contar que América mal podia respirar de tão insistente e do quanto ele forçava a barra com ela.

Eu amo a história de A Seleção, é diferente e envolvente, não é algo “Então o príncipe casa com a princesa e pronto, foram felizes para sempre…” tem uma história por trás de todos os acontecimentos. O livro é tão fininho que eu devorei em um dia. A leitura é mega fácil e muito gostosa. Minha irmã de onze anos leu e se encantou, já está até lendo A Elite. Ele não é pesado, mas é para todas as idades. Leiam, leiam, leiam porque ele é sensacional!

Beijos e até a próxima resenha <3

Sinopse:

Para trinta e cinco garotas, a “Seleção” é a chance de uma vida. Num futuro em que os Estados Unidos deram lugar ao Estado Americano da China, e mais recentemente a Illéa, um país jovem com uma sociedade dividida em castas, a competição que reúne moças entre dezesseis e vinte anos de todas as partes para decidir quem se casará com o príncipe é a oportunidade de escapar de uma realidade imposta a elas ainda no berço. É a chance de ser alçada de um mundo de possibilidades reduzidas para um mundo de vestidos deslumbrantes e joias valiosas. De morar em um palácio, conquistar o coração do belo príncipe Maxon e um dia ser a rainha. Para America Singer, no entanto, uma artista da casta Cinco, estar entre as Selecionadas é um pesadelo. Significa deixar para trás Aspen, o rapaz que realmente ama e que está uma casta abaixo dela. Significa abandonar sua família e seu lar para entrar em uma disputa ferrenha por uma coroa que ela não quer. E viver em um palácio sob a ameaça constante de ataques rebeldes. Então America conhece pessoalmente o príncipe. Bondoso, educado, engraçado e muito, muito charmoso, Maxon não é nada do que se poderia esperar. Eles formam uma aliança, e, aos poucos, America começa a refletir sobre tudo o que tinha planejado para si mesma — e percebe que a vida com que sempre sonhou talvez não seja nada comparada ao futuro que ela nunca tinha ousado imaginar.

Ficha Técnica:

ISBN: 9788565765015

 Número de Páginas: 368

Lançamento: 2012

Autora: Kiera Cass

Editora: Seguinte

Acabamento: Brochura

Bia Bernardo

Sou carioca, ariana, louca por New Adults e apaixonada por história. Jornalista em formação, resenhista aficcionada e amante da escrita. Enquanto não lanço um livro, sigo escrevendo meus textos e minhas histórias. Escrevo e falo muito, o tempo todo. Amo passar o fim de semana com os amigos ou vendo séries.

Você Pode Gostar

  • Thamirys

    Eu sou louca para ler esses livros, agora com certeza irei ler.

    • Bia

      Leia sim, não vai se arrepender!! <3

  • ericorobert

    Sempre quis comprar esse livro pra minha preta, será que pra uma menina de 14 anos o livro funciona? Resenha muito boa, gostei guria!

    • Bia

      Funciona simmm, foi com essa idade que eu li (dureza lembrar que eu to com 18 já hehe), ela vai amar!! Obrigadinhaa <3

  • Quero muito esses livros, desesperadamente.

    • Bia

      Hahahahaha eles são lindos <3

Pin It on Pinterest

%d blogueiros gostam disto: