Resenha “Pecadora”, de Nana Pauvolih

Pecadora Book Cover Pecadora
Nana Pauvolih
Romance, Erótico
Essência
03/03/2017
Brochura
384
http://www.planetadelivros.com.br/livro-pecadora/250509#soporte/250509

 

Todos nós éramos pecadores. Somente uma coisa diferenciava um pecador: as escolhas. Saber o certo e escolher seguir pelo caminho errado em vez de fazer o que era correto. Fechei os olhos. Apesar de tudo que tinha feito naquela noite, não me arrependi. Era pecado, era perdição, mas também era mais do que eu já tinha sonhado em ter. ––– Entre a rígida criação religiosa e o desejo que sempre a consumiu, Isabel precisa se encontrar. Casada há quatro anos com Isaque, seu namorado de adolescência, a jovem sabe que a relação está longe de ser satisfatória. Mas é só quando Isaque fica amigo de Enrico, um publicitário solteiro e bem-sucedido, que a situação começa a ficar insustentável. Agnóstico, sem amarras e cheio de mulheres, Enrico é tudo o que Isabel acredita rejeitar, mas ela não consegue deixar de se sentir interessada pelas histórias que o marido conta dele. Para piorar, ela consegue um emprego na agência dele, e agora terá de passar os dias ao lado do homem que traz à tona seus sentimentos mais proibidos. Neste novo romance, Nana Pauvolih, uma das maiores autoras de romances eróticos do país, mostra que o certo nem sempre precisa ser aquilo que é imposto, e sim aquilo em que se acredita.

Imagine a minha surpresa em ler algo totalmente fora do esperado, mas de uma forma muito positiva. A surpresa e satisfação que senti ao terminar aquelas linhas só não foram maiores do que a reflexão que tal escrita me proporcionou.

Hoje vamos falar sobre um livro que você TEM QUE LER! Vamos falar sobre Pecadora, de Nana Pauvolih.

Vamos à resenha:

ENREDO:

Uma mulher que em sua adolescência foi totalmente adestrada a não pensar por si, a acreditar que o maior prazer que ela poderia ter em sua vida era no pós-vida, ao lado de Deus, e que todo e qualquer prazer mundano, por menor que fosse, era pecado e deveria ser banido de sua vida para todo o sempre.

Esta é Isabel. Filha de um pastor que possui uma bússola moral tão exagerada, que não foi capaz de se adequar às normas da mais rígida igreja, achando-a permissiva demais,  levando-o a criar a sua própria, onde todo aquele temente a Deus deveria seguir regras das mais extremas.

Esta mesma mulher, que ainda menina viu seu pai impor uma severa punição a sua querida irmã, simplesmente por ela não se adequar aos padrões por ele imposto, tinha desejos. Desejos estes que deveriam ser suprimidos em seu ser e abolidos de seus pensamentos pelo bem de sua alma eterna. Mas nem sempre a razão impera sobre a emoção, e em meio deste turbilhão de sentimentos contraditórios, temos agora uma mulher casada com um homem que não a satisfaz e refém de uma religião que não permite felicidade.

Como se estes não fossem problemas suficientes na vida desta pobre mulher, ainda podemos acrescentar Enrico, um homem que povoa os pensamentos mais sórdidos de todas as mulheres que o conhece e capaz de trazer a tona o que ela tem de mais pecaminoso.

Como pode Isabel se decidir entre o que aprendeu durante toda a sua vida como certo, mas que a torna infeliz ou o prazer da carne e a danação eterna diante de sua religião?

Acompanhe esse embate filosófico, religioso e moral nas linhas deste surpreendente livro.

 

 

NARRATIVA:

A forma escolhida pela autora Nana Pauvolih de nos contar os percalços de Isabel e Enrico em primeira pessoa nos permite um mergulho direto em seus dilemas pessoais, tornando a leitura muito mais imersiva.  A história é centrada em Isabel, mas após alguns capítulos, começamos a conhecer um pouco mais sobre o garanhão Enrico e vemos que ele não é tão superficial quanto aparenta ser. Descobrimos que este homem, aparentemente livre e desimpedido, possui algo em seu passado que ainda o atormenta. Isso faz dele uma pessoa que também necessita de “reparos”.

O livro é recheado de dilemas morais e acompanhamos de perto a aflição de cada decisão tomada por seus protagonistas. A construção da psique de cada um deles é muito bem feita, justificando cada uma das escolhas ao decorrer do livro.

A narrativa é bem fechada e não deixa nada a desejar, nos conduzindo por diálogos conflitantes entre os protagonistas e sua consciência.

 

 

DESTAQUE:

Entre todos os pontos que poderia falar, eu quero trazer dois que me marcaram muito: Primeiro a pesquisa que a autora precisou fazer para que o livro respeitasse a religião e as escrituras sagradas. As colocações adequadas das passagens da bíblia em momentos cruciais deram mais veracidade a escrita, além de uma maior dramaticidade.

Outro ponto foi a construção do personagem.  Essa história poderia dar errado, se não fosse a sólida base que tivemos, principalmente de Isabel. Sem isso suas dúvidas e seu sofrimento pareceriam fúteis e superficiais, mas aqui fizeram total sentido, diante de toda a criação desta mulher.

 

 

MINHA OPINIÃO:

Um livro que possui seus momentos de sensualidade e erotismo, com cenas que me excitaram, mas que principalmente me fizeram refletir e muito sobre o que é certo e o que é pecado, e até onde podemos ir para buscar a felicidade que tanto desejamos.

Esse livro deixa uma pergunta muito importante, que gostaria que todos os que lerem se façam. Você é feliz com o que tem agora, ou foi doutrinado a acreditar que isso é tudo que merece ter? Seja profissional, pessoal ou sexual.

A meu ver, um livro que nos faz pensar sobre essas questões, no mínimo, merece nossa total atenção.  Eu comecei a leitura achando que encontraria um livro quente e divertido, e encontrei algo ainda melhor, um livro que me excitou e me fez refletir sobre minha felicidade.

Posso dizer, sem sombra de dúvida que foi a melhor surpresa literária que tive este ano.  Agora, convido você leitor a buscar por si mesmo estes questionamentos dentro das páginas deste livro, cuja autora cresceu ainda mais em meu conceito.

Uma ótima leitura a todos e pensem a respeito.

Um grande beijo no coração de todos.

Saiba mais informações desta autora, acesse seu site e descubra suas outras obras: Clique Aqui!

Érico Robert

Sou apaixonado por Livros, RPG e Video Games. Minha Família é tudo pra mim, minha alma gêmea (Ara), foi quem me ensinou a gostar de ler e sou eternamente grato a ela. Sou dedicada as minhas filhas, mas adoro os poucos momento em que posso desfrutar de paz e sossego. Diversão é reunir a família e os amigos e cozinhar para eles, enquanto conversamos, assistimos alguns filmes ou batalhamos no RPG!

Você Pode Gostar

  • Thamirys

    ADOREI, QUERO LER.

Pin It on Pinterest

%d blogueiros gostam disto: