Resenha “Caçadora de Estrelas”, de Raiza Varella

Sem gato, com o pai casado, o carro quebrado e o melhor amigo namorando, Eva se vê em uma situação pior do que quando foi trocada por um cara bonitão. Será que ela consegue achar sua estrela? Clique e descubra.

Enredo:

Eva mudou-se para Londres com o mais novo “amor de sua vida”, ou o que ela acreditava ser a sua estrela, deixando o pai, o irmão, a melhor amiga, o gato de estimação e – o principal – alguém que esteve sempre ao lado dela, alguém que sempre esteve lá para juntar os caquinhos do coração partido que ela vivia insistindo em entregar para qualquer cara, Gabriel, o melhor amigo desde a barriga.

A moça volta para casa após encontrar seu namorado na cama com outro cara, isso mesmo, outro CARA. Assim que põe os pés em casa, Eva percebe que nem tudo está como ela deixou. Seu pai está casado, o carro dela está batido graças ao irmão e Gabriel está namorando sua nova “irmã vaca”

Ao longo do tempo, Eva percebe que sente algo a mais por Gabriel. Dramática do jeito que é e com medo de perder a amizade do garoto, ela demora a contar. E pior, demora 25 anos para perceber que ele sempre foi apaixonado por ela. Em meio a sua indecisão, uma reviravolta acontece e os dois decidem viver cada dia como se fosse o último. E ele realmente pode ser.

“Nesse momento, a única coisa que vocês precisam saber é que eu passei a vida buscando uma estrela”

Narrativa:

O livro é narrado por Eva, Gabriel e, em alguns momentos, por Ben (ex de Eva). O que traz três visões bem diferentes da história, e três formas diferentes de lidar com ela. Eva é mais dramática que todas as novelas mexicanas que você já assistiu, Gabriel é alguém apaixonado e centrado, já Ben é alguém que está disposto a tentar consertar todos os erros do passado.

“Precisa de mim ai?”

Destaque:

Pode ser o livro todo?

Primeiramente, vamos destacar essa autora MARAVILHOSAMENTE SURREAL, é sério, Raiza, você não existe!!!! Desde a primeira palavra do livro, eu senti tudo o que Eva sentiu, e isso aconteceu não só com ela, mas com TODOS os personagens, sem exceção. Até com a Alice maluca. Então o primeiro destaque é: a autora te faz entrar nos personagens e sentir absolutamente tudo o que eles sentem.

Posso passar horas falando do Gabriel e nem assim vou conseguir explicar o quanto ele merece um destaque. Ele sempre esteve ali por Eva, sempre juntando os caquinhos dela, sempre com um “Precisa de mim ai?”. Ele, definitivamente, é uma estrela muito brilhante.

A Eva é dramática, mimada e – quase sempre – egoísta, mas não tem como não gostar dela. E não se irritar com ela. Porque sim, ela é meio lentinha, mas você vai amá-la. Então esse é o terceiro destaque. A personagem “gente como a gente” que todo livro deveria ter.

Minha Opinião:

Eu li em uma noite. Uma noite de muita cara inchada e nariz entupido, mas li. Primeiro eu achei que fosse ser aquele clichê de “o melhor amigo é apaixonado pela melhor amiga e ela acaba se apaixonando por ele”, o livro já tinha parte do meu coração ali porque eu sou a louca dos clichês, e esse é o meu preferido. Mas foi muito mais que isso. Caçadora de Estrelas é um livro intenso, com tantas lições que te faz terminar de ler querendo abraçar todos que você ama. Eu fiquei destruída quando terminei às 6 da manhã. Estou tão encantada que fico sem palavras para descrever o quanto eu amei, o quanto eu quero que vocês leiam e toda a minha gratidão à Raiza por ter escrito algo tão maravilhoso.

Eu não consigo imaginar um final diferente para ele, por mais que eu quisesse que fosse diferente. Eva cresceu tanto como pessoa, e é tão lindo ver isso, ver como ela aprendeu tanto com alguém que esteve sempre ali por ela. Como a lealdade dos dois é uma linha fina, mas impossível de se destruir.

Gostei muito do papel do Ben dessa história, de verdade, ele mostrou que cresceu e mudou. Mas nada supera o tamanho do amor do Gabriel pela “garota dele”, nada mesmo.

O que me deixou mais encantada com o Gabriel é o fato de ele fazer com que a Eva se sinta bem consigo mesma, coisa que nenhum outro relacionamento dela conseguiu, e que ele sempre via o melhor nela. Algo que nem mesmo ela fazia, já que sempre se desvalorizava. Digo desvalorizar porque ela nunca viu potencial em si mesma, sempre entregou o seu coração para o cara mais idiota possível e sempre se culpava por ele não ficar. Por isso Eva é tão “gente como a gente”, quem nunca se deixou levar por meia dúzia de palavras bonitas que atire a primeira pedra.

Eva sofre, se entrega, sofre de novo, morre de amores, come muito, é desbocada, estourada e sempre vai presa. E eu sei que você que está lendo se identificou com uma ou mais “qualidades” que foram citadas. Ela é louca, forte e teimosa, mas não tem como não gostar dela.

Gabriel é o pilar dela, é forte, amigo, e é alguém que a ama de verdade. A estrela mais brilhante que Eva poderia pedir.

Bom, chega de falar porque é algo que eu gosto muito, principalmente quando eu me encanto tanto com o livro.

Mais uma vez, eu queria parabenizar a Raiza Varella por algo tão lindo, tão intenso e tão real. Por pessoas tão reais.

E sobre a minha classificação da história: Um milhão de constelações com várias estrelas brilhantes para esse livro <3

Sinopse Oficial

Após flagrar o seu atual namorado com outro cara – não, você não leu errado – e constatar que o safado tinha um gosto para homens até melhor do que o seu, Eva se arrepende por ter abandonado a família, o gato, o emprego, os amigos e até e o país para segui-lo e decide que é hora de voltar para a casa, com o rabo entre as pernas, um mau humor feroz e sem um tostão no bolso. Mas ao contrário do que imaginou não é recebida com faixas e balões, muito menos com boas-vindas e sim com mais e mais azar – como se não bastasse todas as vezes em que foi traída, abandonada pelo circo ou roubada por alguma estrela errada -, seu irmão acabou com seu carro novo, seu pai se casou, ela ganhou duas quase irmãs indesejadas, seu melhor amigo roubou seu gato e ainda de quebra arrumou uma namorada.
Embora a vida em casa não esteja como deixou, Eva é obrigada a seguir em frente e lidar com a situação como uma mulher adulta. O que em seu dicionário quer dizer se embebedar, distribuir socos e grosserias a quem quer que esteja ao seu alcance e recuperar seu gato – a qualquer custo -, nem que para isso precise roubá-lo de volta.
O que desconhece é que o destino iria lhe preparar uma surpresa, lhe oferecendo algo que não poderia ter, um amor proibido. Será ela corajosa o suficiente para lidar com mais um coração partido, mesmo que seja pela estrela mais brilhante do céu?

Informações Técnicas:

Formato: ebook

 Número de Páginas: 544

Lançamento: 2016

Autora:Raiza Varella

Link para Compra: Aqui

Bia Bernardo

Sou carioca, ariana, louca por New Adults e apaixonada por história. Jornalista em formação, resenhista aficcionada e amante da escrita. Enquanto não lanço um livro, sigo escrevendo meus textos e minhas histórias. Escrevo e falo muito, o tempo todo. Amo passar o fim de semana com os amigos ou vendo séries.

Você Pode Gostar

  • Que resenha mais amorzinho… Amei Bia, perfeita! Me causou curiosidade, adoro histórias assim.

    • Bia

      Obrigada, Mama!!! Leia, você não vai se arrepender!

  • Bruna Oliveira

    “E ele realmente pode ser”, JÁ BATEU ATÉ A VONTADE DE CHORAR!!!! Eu estou curiosa pra ler ele, é a segunda resenha que vejo, parace ser tão emocionante, já quero <333

    • Bia

      É muito emocionante simmmmmm! Coisa mais linda, você vai amar! <3

  • Ruana

    Nossa! Adoro um bom clichê, sobre melhores amigos então ♡♡ Resenha maravilhosa, fiquei muito interessada na história da Eva. E chorar? É comigo mesma hahahaha Vou comprar assim que possível, Caçadora de estrelas agora tá definitivamente no topo da listinha.

    • Bia

      Aiiii, Ru, obrigadaaa, amorzinhooo!! Compra siiim, você não vai se arrependerrrr!

  • RaahVarella

    Que resenha mais LINDA Bia! Muito obrigada, amei <3

    • Bia

      Aiiiii assim eu choro hahahahaha! Obrigada pelo comentário, Raiza!! Muito obrigada mesmooo <3

Pin It on Pinterest

%d blogueiros gostam disto: