Resenha “Alameda dos Pesadelos”, de Karen Alvares

cover-alameda-dos-pesadelos-alterada-660x330

RESENHA ALAMEDA DOS PESADELOS

E vamos falar de mais um livro apaixonante que conseguiu me levar aos extremos.

1° Enredo:

A historia é sobre Vívian, uma mulher normal, esforçada que vive com o seu pai e filho Lucas em São Paulo. Tudo começa num dia comum, onde ela sai do trabalho correndo ao fim do expediente, pra que seu chefe mala não lhe alugue mais, acaba sendo pega de surpresa por uma chuva gigante enquanto está no ponto de ônibus.

No caminho ela acaba vendo um acidente de moto e vê a pessoa lá estendida no chão, aparentemente muito ferido. Mas Vívian apesar de não saber, sente que o cara está morto. O cara está usando uma jaqueta de couro preta.

Vívian se incomoda pelo acidente, igual a qualquer pessoa se incomodaria, mas logo esquece quando chega ao conforto do seu lá, já que e mulher ta mega cansada. Totalmente compreensível.

Ela cria o filho sozinha, como eu havia dito, e tem ajuda apenas do seu pai que é um coroa muito legal, adorei ele logo de cara. Lucas é outro personagem que eu adorei. Que molequinho maneiro, cheio de vida, gosta de games, é um bom garoto e filho. (tia Ara amou!)

Até aí o livro vai caminhando calmamente, até que tudo vira de cabeça pra baixo quando Vívian vê o cara de jaqueta preta no shopping observando ela e o filho dela. Isso foi o suficiente pra deixar a mulher doida. E tenho que confessa que eu também teria ficado maluquinha, pois o cara não tem uma cara muito amigável, e digamos que ele não é a pessoa que Vivian mais ama nesse mundo. E sim ela conhece o tal cara da jaqueta.

susto

Vívian pega Lucas pela mão e praticamente arrasta o moleque pra casa, apavorada demais pra pensar em qualquer coisa a não ser fugir. Ela chega em casa e conta ao pai que ela viu o tal cara e o pai dela tenta acalma-la, o que não adianta muita coisa.

Nesse momento o livro começa a ir pro lado sombrio da coisa, e eu como uma leitora muito corajosa (SQN ¬¬’) quase tinha um enfarto quando lia certas cenas do livro.

imagem21

Vívian começa a ter pesadelos bizarros que a fazem acordar no meio da noite, e vê o cara da jaqueta por todo lugar. É bizarro e assustador imaginar ficar na pele dessa mulher, porque é cada susto. Credo…

Tem uma cena com um rádio que eu quase faleci. A atmosfera tensa que é criada mexe muito pra quem entra de cabeça na leitura.

26-gifs-matar-de-susto

2° Narrativa:

Eu já conhecia o jeito da Karen escrever, por esse motivo não me decepcionei. Quando eu digo a ela que vou amar tudo que ela escreve, é porque é a mais pura verdade. “Portanto dona Karen mantenha as listas de compras longe da minha pessoa!” kkkkkkkk. Voltando o livro é contado na visão da Vívian, e fica oscilando entre passado e presente, o que foi muito bom pra conhecer toda sua história. Amei como cada coisa e cena foi descrita, pois me sentia ali, vendo tudo de perto. Nada me pareceu forçado, o que era tenso estava tenso na medida certa, assim como as cenas alegres. Tudo estava dosado de forma crível, apesar de ser um livro sobre sobrenatural. Ele conseguiu me arrancar suspiros de medo, assim como arrancou lágrimas de felicidades. Leitura fácil e gostosa. (Arinha muito satisfeita)

3° Destaque:

Sem sombra de dúvidas o destaque ficou por conta das partes sinistras entre o cara da jaqueta e Vivian. Os momentos apavorantes e angustiantes foram de tirar o fôlego. E os momentos tocantes e esperançosos de encher os olhos de lágrimas.

1239143096948_f

Confesso que no final torci por outro desfecho (Arinha romântica incurável), mas entendi o desfecho dado pela autora. Realmente era uma tentativa a mais depois de tantas erradas. Nada mais justo para nossa querida Vívian e Senhor jaqueta preta! kkkkkk

O livro fala de aceitação, de consequências que pode vim acontecer se você cometer alguma besteira, e realmente te faz pensar em tudo que você anda fazendo em sua vida. Eu mesmo refleti bastante quando terminei de ler. Vale muito a pena Alameda dos Pesadelos, indico pra todos.

capa_alameda_grande

Sinopse:

Vívian era apenas uma mulher solitária, com uma vida normal, presa em sua rotina sem graça, até a noite em que presencia um acidente. A partir daí seu pesadelo começa; ela passa a ter visões de um homem que conheceu no passado e desejava nunca mais encontrar. E o pior: ele quer vingança.

Até que ponto um pesadelo é fruto da imaginação? Vívian descobre que o limite entre a alucinação e a realidade é tão pequeno que a loucura está a apenas um passo de distância e o pesadelo pode estar escondido na nossa mente, como um monstro à espreita, esperando sua chance de despertar. E para escapar do seu horror particular, Vívian precisará entender quais foram seus erros. E finalmente aceitar a própria culpa.

FICHA TÉCNICA:
ISBN-13: 9788566725094
ISBN-10: 8566725093
Ano: 2014 / Páginas: 263
Idioma: português
Gênero: Literatura Nacional, Suspense, Sobrenatural
Editora: Cata-vento

Links de compra:
Livraria Cultura: Clique aqui
Pela Editora: Clique aqui
Mercado Livre – ReisBookStore: Clique aqui
Ou adquira autografado com a autora enviando um e-mail para kvs.alvares@gmail.com.
Saiba mais: Clique aqui
Amazon (e-book): Clique aqui
Adicione o livro ao Skoob: Clique aqui
Hotsite: Clique aqui
Leia o primeiro capítulo: Clique aqui

Ara Robert

Sou viciada em leitura, games, RPG, séries, filmes, gatos, nas minhas filhas e maridão. Meus melhores amigos são meu maridão, minhas filhotas e mami. Sou do tipo que quando ler se apega aos personagens e quando eles morrem eu choro, quando eles são horríveis fico com ódio.

Você Pode Gostar

  • Karen Alvares

    Ara, sua LINDA! <3

    Só consegui passar aqui hoje nessa resenha LINDA pra comentar, mas já disse pra você o quanto AMEI demais suas palavras e seu carinho, né? Resenha maravilhosa, fofa e mega divertida, amei você e seus sustos, ri muito aqui! (sim, sou maléfica! hahaha)
    É uma honra ter resenha do meu livro aqui no Casal Aficcionado. Esse blog é fantástico demais! Você e o Érico mandam bem demais aqui. <3
    E estou ansiosa também por sua opinião de Inverso!
    Beijos e muito, muito obrigada!

    • Que bom que gostou amore, e vou logo dizendo que to amando Inverso. Obrigada pelo carinho.

      • Karen Alvares

        Eba! 🙂 Tô doida pra saber o que você vai dizer de Inverso. Obrigada você, amore! <3 <3 <3

    • Fabio Negro

      é só em termos binários como LINDA e FEIA que você consegue se expressar? preguiça dessa pobreza de signifcados

      • Karen Alvares

        Não, eu também consigo dizer que você é um grosso e desnecessário.

        • Fabio Negro

          zzzzzzzzzzzZZZZZZZZZZZZ…

          • Karen Alvares

            Ah, você é o cara que comentou no post da Steampunk da Draco. Agora entendi sua revolta. Tadinho. HAHAHHAHAHA

          • Karen Alvares

            Tenho mais o que fazer, beijos e obrigada por passar aqui na resenha!!! 😉

          • Fabio Negro

            Sim, foi uma resenha muito bem escrita. Seu livro teve sorte.

          • Fabio Negro

            Desculpa: não. Leia melhor (para, se tiver conserto, escrever melhor)

Pin It on Pinterest

%d blogueiros gostam disto: