Crítica – Deuses do Egito

Deuses-do-Egito-Gods-o- Egypt-2016-imagens-Épico-Ação-Fantasia

Gostaria de lembrar a vocês que ao fazer a crítica, eu nem entrei no mérito de que um filme que se passa no Egito, teve o elenco praticamente todo embranquecido. Infelizmente, a mania de colocar uma “visão europeia” em filmes onde negros eram soberanos, ainda existe e é uma ideia totalmente retrógrada e distorcida de como foi o verdadeiro Egito Antigo. Mas, não foi só por ser totalmente “white” que o filme foi ruim. Ele consegue piorar.

foto 4

SINOPSE

Inspirado na mitologia clássica do Egito, após ver seu irmão Osíris passar a sucessão do trono para seu sobrinho Hórus (Nicolaj Coster), Set (Gerard Butler) usurpa este mesmo e tenta implantar no Egito a escravidão dos humanos, como prova de sua soberania. Um mortal chamado Bek (Brenton Thwaites), busca a ajuda e aliança de Hórus, para que ele derrote a tirania de Set e se lembre de que ele é o verdadeiro rei do Egito.

foto 3

OPINIÃO

Sendo bem direta aqui, o filme demonstra uma fraqueza enorme. Os personagens, até vividos por um elenco de peso, não demonstram profundidade e suas motivações são sem graça. Isso prova que, não adianta o filme ter nomes de atores importantes, se não for bem dirigido, não será satisfatório.

Gerard Butler parece estar perdido no papel do vilão Set e parece que não foi bem guiado pelo diretor Alex Proyas. E olha que esse diretor, segundo o site Omelete, se enquadra em uma lista de diretores importantes como as irmãs Wachowski, James Cameron e Guillermo del Toro. Mas parece que esse filme foi feito com bastante má vontade.

foto 2

Quanto às partes visuais, sinceramente meus olhos ficaram cansados de tantos efeitos visuais inacabados. Tá óbvio que o filme foi totalmente feito em fundo verde! Aliás, os filmes com efeitos especiais maiores, são feitos em fundo verde. Algum problema? Nenhum! Desde que na pós-produção tome-se um cuidado em passar veracidade e um bom acabamento para as cenas.

Em Deuses do Egito tudo incomoda visualmente: as cenas de ação são mal cortadas, o exagero do fundo verde e a diferença de proporção entre os deuses e os humanos também não convenceu e ficou bastante artificial.

maxresdefault

Resumindo: o roteiro é fraco, a direção parece que fez de qualquer forma, houve um exagero do fundo verde com efeitos especiais mal acabados e os atores não conseguiram salvar, infelizmente.

Confira abaixo o trailer de “Deuses do Egito”:

Ah… só uma coisinha. O quê o Érico tá fazendo nesse filme? Hahahahahahaha. Brincadeirinha!

foto 1

Bjo da Dayse 😉

 

Dayse Ribeiro

Oi,galera! Meu nome é Dayse, tenho 21 anos e estudo Jornalismo. Sou completamente apaixonada por cinema, séries (Game of Thrones e American Horror Story são meus xodós s2 rsrs) e claro, o Universo Nerd!

Você Pode Gostar

  • Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk – Não creio, fazendo filme nem me conta seu Érico? Não curti isso!

    • Dayse Ribeiro

      HAHAHAHAHA Pelo menos ele fez um personagem bem a cara dele: de Deus da Sabedoria! Razô!

  • Luiza Maia

    Papai ta famoso! kkkkkkkkkkkkkk

Pin It on Pinterest

%d blogueiros gostam disto: